Home Empresa O que é EPI Marcas Links Úteis Trabalhe Conosco Localização Contato
  Produtos
  Aventais
     Aventais
  Calçados
     Botas
     Botinas
     Sapatos
  Capacete
     Capacete c/ Acoplados
     Capacetes
     Carneira
     Jugular
  Cintos
     Cinto de Segurança
     Mosquetão
     Talabarte
  Cordas
     Cordas
  Creme de proteção
     Proteção para Mãos
     Protetor Solar
     Repelentes
  Descartavéis
     Luvas Procedimentos
     Mangote
     Máscaras
     Touca Sanfonada
  Extintores
     Extintor
  Luvas
     Luvas
     Luvas Alta Temperatura
     Luvas Baixa temperatura
     Luvas Baixa/Alta Tensão
     Luvas Couro
  Mangotes
     Mangote raspa
  Máscaras
     Máscara de solda
     Máscara Respiratória
     Respiradores
  Óculos
     Óculos ampla visão
     Oculos de Proteção
     Óculos de Solda
  Perneiras
     Perneiras
  Placas
     Cavaletes
     Placas
     Placas Alumínio
     Placas P/Caminhão
  Protetor Facial
     Protetor Facial
  Protetores Auriculares
     Protetor Concha
     Protetor Plug
  Roupas
     Anti Chama
     Macacao Para Prod. Quimicos
     Roupa Baixa Temperatura
     Roupa Pintura
     Roupas Impermeáveis
  Sinalização
     Bandeirola
     Cavalete C/ Refletivo
     Colete Refletivo
     Cones
     Corrente Plástica
     Fitas
     Giroflex
     Luminária de Emergência
     Pedestal
     Sinalizador
  Telas
     Tela Tapume
  Toucas
     Touca de Soldador
  Trava Quedas
     Trava quedas
  Uniformes
     Uniformes em geral
O que é EPI

- Equipamentos de Proteção Individual ou EPI´s:

São quaisquer meios ou dispositivos destinados a ser utilizados por uma pessoa contra possíveis riscos ameaçadores da sua saúde ou segurança durante o exercício de uma determinada atividade. Um equipamento de proteção individual pode ser constituído por vários meios ou dispositivos associados de forma a proteger o seu utilizador contra um ou vários riscos simultâneos. O uso deste tipo de equipamentos só deverá ser contemplado quando não for possível tomar medidas que permitam eliminar os riscos do ambiente em que se desenvolve a actividade.

Tipos de EPIs
Os EPIs podem dividir-se em termos da zona corporal a proteger:
• Proteção da cabeça 
o capacete
• Protecção auditiva 
o Abafadores de ruído (ou protetores auriculares) e tampões
• Proteção respiratória 
o Máscaras; aparelhos filtrantes próprios contra cada tipo de contaminante do ar: gases, aerossóis por exemplo.
• Proteção ocular e facial 
o Óculos, viseiras e máscaras
• Proteção de mãos e braços 
o Luvas, feitas em diversos materiais e tamanhos conforme os riscos contra os quais se quer proteger: mecânicos, químicos, biológicos, térmicos ou elétricos.
Ver artigo principal: Luva de segurança
• Proteção de pés e pernas 
o Sapatos, botinas, botas, tênis, apropriados para os riscos contra os quais se quer proteger: mecânicos, químicos, elétricos e de queda.
• Proteção contra quedas 
o Cintos de segurança, sistemas de pára-quedas.

 


Equipamentos de Proteção Coletiva, ou EPC´s:

São equipamentos utilizados para proteção de segurança enquanto um grupo de pessoas realiza determinada tarefa ou atividade.

Esses equipamentos não são necessariamente de proteção de um coletivo, muitas vezes são apenas de uso coletivo, como por exemplo uma máscara de solda ou um cinto de segurança para alturas.
Como exemplos de EPC podem ser citados:
• Redes de Proteção ( nylon)
• Sinalizadores de segurança (como placas e cartazes de advertência, ou fitas zebradas)
• Extintores de incêndio
• Lava-olhos
• Chuveiros de segurança
• Exaustores
• Kit de primeiros socorros
• Como o próprio nome sugere, os equipamentos de proteção coletiva (EPC) dizem respeito ao coletivo, devendo proteger todos os trabalhadores expostos a determinado risco. Como exemplo podemos citar o enclausuramento acústico de fontes de ruído, a ventilação dos locais de trabalho, a proteção de partes móveis de máquinas e equipamentos, a sinalização de segurança, a cabine de segurança biológica, capelas químicas, cabine para manipulação de radioisótopos, extintores de incêndio, dentre outros.
• 
• • Cabine para histologia 
• A cabine deverá ser construída em aço inox, com exaustão por duto. É específica para trabalhos histológicos. 
• • Capela Química 
• A cabine deverá ser construída de forma aerodinâmica, de maneira que o fluxo de ar ambiental não cause turbulências e correntes, reduzindo, assim, o perigo de inalação e a contaminação do operador e do ambiente. 
• • Manta ou cobertor 
• É utilizado para abafar ou envolver a vítima de incêndio, devendo ser confeccionado em lã ou algodão grosso, não sendo admitido tecidos com fibras sintéticas. 
• • Vaso de areia ou balde de areia 
• É utilizado sobre o derramamento de álcalis para neutralizá-lo. 
• • Mangueira de incêndio 
• O modelo padrão, comprimento e localização são fornecidos pelas normas do Corpo de Bombeiros. 
• • Sprinkle 
• É o sistema de segurança que, através da elevação de temperatura, produz fortes borrifos de água no ambiente (borrifador de teto). 
• • Alça de transferência descartável 
• São alças de material plástico estéril, descartáveis após o uso. Apresentam a vantagem de dispensar a flambagem. 
• • Microincinerador de alça de transferência metálica 
• São aquecidos a gás ou eletricidade. Possuem anteparos de cerâmica ou de vidro de silicato de boro para reduzir, ao mínimo possível, a dispersão de aerossóis durante a flambagem das alças de transferência. 
• • Luz Ultra Violeta 
• São lâmpadas germicidas, cujo comprimento da onda eficaz é de 240 nm. Seu uso em cabine de segurança biológica não deve exceder a 15 minutos. O tempo médio de uso é de 3000 horas. 
• • Dispositivos de pipetagem 
• São os dispositivos de sucção para pipetas. Ex.: pipetador automático, pêra de borracha e outros. 
• • Proteção do sistema de vácuo 
• São filtros do tipo cartucho, que impedem a passagem de aerossóis. Também é usado o frasco de transbordamento, que contém desinfetante. 
• • Contenção para homogeneizador, agitador, ultra-som, etc 
• Devem ser cobertos com anteparo de material autoclavável e sempre abertos dentro das cabines de segurança biológica. 
• • Anteparo para microscópio de imunofluorescência 
• É o dispositivo acoplado ao microscópio, que impede a passagem de luz ultravioleta, que poderá causar danos aos olhos, até mesmo levando o operador à cegueira.
• • Kit para limpeza em caso de derramamento biológico, químico ou radioativo 
• É composto de traje de proteção, luvas, máscara, máscara contra gases, óculos ou protetor facial, bota de borracha, touca, pás para recolhimento do material, pinça para estilhaços de vidro, panos de esfregão e papel toalha para o chão, baldes, soda cáustica ou bicarbonato de sódio para neutralizar ácidos, areia seca para cobrir álcalis, detergente não inflamável, vaporizador de formaldeído, desinfetantes e sacos plásticos.
• • Kit de primeiros socorros 
• É composto de material usualmente indicado, inclusive antídoto universal contra cianureto e outros antídotos especiais. 

 

Rod. BR 101 - Km 202 - No. 2050 - Loja 01 - Barreiros - São José - SC
E-mail: contato@centraldoepisc.com.br
Fone: (48) 3258-3258
Cadastre seu email para receber nosso informativo
E-mail
Todos os direitos reservados - Copyright 2013 - Desenvolvido por NTDS Web Studio